Olá mamães, hoje trago um vídeo maravilhoso do menino fantástico dançando com o papai.

Pergunte a maioria das pessoas o que eles gostam de fazer a primeira coisa na parte da manhã e eles provavelmente vão dizer que eles iriam ter apenas uma xícara de café ou chá, e relaxar por alguns minutos.

MENINO FANTÁSTICO

Menino fantástico

Bem, parece que não figura no radar de Domink Hungr, que vive em Brno, República Checa. Em vez disso, um pouco de jamming e breakdancing parece estar no menu para Dominik e seu filho de 20 meses de idade, Nikosek, que ele se refere como ‘lil homem’. Ignorando o que realmente está acontecendo e olhando para o quadro maior, não é apenas adorável ver um pai e filho compartilhando algum tempo de qualidade juntos? Muitos de nós estão tão ocupados que não percebemos a vida passando por nós e os nossos filhos crescendo.

No seu décimo oitavo aniversário, olhamos para eles e nos perguntamos onde diabos o tempo todo foi.

Assista o vídeo do Menino Fantástico

E o jovem Nikosek? Aqui está um jovem muito intuitivo e ativo, que, em apenas 20 meses, parece estar bastante avançado para sua idade.

Ok, ouvimos milhares de vocês gritando que seus filhos estavam tão avançados naquela idade – nós não estamos tentando começar uma competição breakdancing ou jamming para crianças de 20 meses de idade, é apenas a nossa impressão do menino!

Nós também estamos muito conscientes de quão divertido ele está tendo emulando “movimentos legais” de seu pai, embora nós pensamos que ele ainda tem um caminho a percorrer antes que ele pode começar girando em suas costas!

Tudo somado este é um ótimo vídeo para inspirar todos vocês pais lá fora, que pode ser preso para idéias sobre o que fazer com seus filhos. Estamos bastante confiante de que qualquer coisa que você faça com eles vai torná-los felizes como o tempo é o presente mais precioso que você pode dar a qualquer um dos seus filhos.

Fonte: https://goo.gl/zEEOWi


Comentários
1
Compartilhe este post
Pin It

O Milagre da vida

O desenvolvimento de um ser dentro de uma mulher é um milagre da vida, da criação.

O milagre da vida nunca deixará de surpreender, seja humano ou outra forma de vida. É também algo que sabemos como ele é criado, mas nunca realmente ver o que realmente acontece, exceto quando a varredura de ultra-som ocasional é tomada e uma fotografia em preto e branco granulado dado a nós como uma lembrança.

Eu também olho para trás para os dias de aulas de biologia na escola e lembro de ver esboços de um bebê em um útero, mas parecia mais como um estrangeiro do que um bebê real.

Como as coisas são diferentes hoje graças à tecnologia moderna, CGI (Computer Generated Image) reproduções e uma compreensão mais completa do que realmente ocorre durante a gravidez, este resultado é um vídeo incrível. Já não precisamos olhar para imagens fuzzy em livros, quando podemos ver o milagre da vida se desdobrar diante dos nossos olhos em uma tela.

O Milagre da vida humana um bebê se formando no ventre

 

Não há necessidade de passar por uma descrição de todo o processo – você pode ver tudo aqui. No entanto, é difícil não refletir uma vez que você assistiu o vídeo.

Como a vida é incrível e como transformar de um ovo em um bebê totalmente crescido pronto para começar a nossa vida no mundo “exterior”.

O criador deste vídeo claramente tem uma compreensão completa da enormidade da criação da vida como eles escolheram uma trilha sonora muito emocionante para ir com ele.

Se você estava em qualquer dúvida antes, este é um vídeo muito importante e significativo.

Como é legal como um pai para saber que quando se trata de explicar os pássaros e as abelhas, ou fatos da vida de seus filhos, você será capaz de usar um vídeo fantástico como este.

Fonte: https://goo.gl/ZGZcfT

 


Comentários
2
Compartilhe este post
Pin It

A importância da amamentação

A importância de Amamentação o seu bebê
.
Tão importante quanto engravidar da maneira saudável e manter a gravidez de maneira saudável, é amamentar de forma correta!

amamentação

A importância da amamentação

Muitas mães ainda tem dúvidas quanto a técnica correta, tabus, tempo adequado e importância da amamentação!
Hoje, você vai tirar todas suas dúvidas aqui no blog Mamãe de duas, junto com Dr. Bruno Jacob, a respeito de tudo, e mais um pouco, sobre o aleitamento materno!
.
A OMS preconiza que os profissionais da saúde passem informações valiosas para as pacientes a respeito do aleitamento, assim como os benefícios do leite materno, vamos ver quais são?:

-Alimento completo: atende todas as necessidades de nutrientes até os 6 meses

-Fácil digestão: Evita cólicas nos nenes.

-Reforça imunidade: Fortalece sistema imunológico, previna alergias, obesidade e intolerância ao glúten.

-Fortalece vínculo mãe e filho

-Dentinhos saudáveis: a sucção ajuda no desenvolvimento da arcada dentária no nene.

-Puerpério: Evita o sangramento excessivo no pós-parto.

-Pratico, grátis e natural.

-Previne asma, artrite e doenças do trato gastrointestinal.

-Bem estar: Amamentar libera na mãe o “hormônio do amor”

-Previne anemia

Outra informação importante, que deve ser passada às mães, é a técnica correta do aleitamento. Existe toda uma maneira certa na hora de amamentar, isso inclui fatores tanto da mãe quanto do bebê e as mulheres devem estar atentas a tudo isso! Vamos à elas:

Posicionamento do bebê:
– Rosto do bebê de frente para a mama
– Nariz encostado no mamilo
– Cabeça e tronco alinhados
– Corpo do bebê próximo ao da mãe
– Pescoço do bebê levemente extendido
– Corpo do bebê bem apoiado pelas mãos da mãe

Agora veja como deve ser a “pega” do seu bebê:
-Boca bem aberta pegando todo mamilo
-Lábio inferior evertido
-Queixo tocando a mama
-Movimentos de deglutição visíveis

Fique atenta para sinais de “pega” incorreta.
-Bochechas encovadas
-Ruídos de lingua
-Dor na amamentação
-Mama esticada ou deformada.

Agora que você sabe os benefícios de amamentar e como amamentar, você não tem mais dúvidas certo? ERRADO!!!!
Ok! Então vamos ver a seguir as dúvidas mais frequentes que surgem no consultório a respeito do aleitamento materno!

1. É verdade que algumas mamães tem pouco leite?
Ter pouco leite é um mito comum. Na maioria dos casos a pouca produção de leite está relacionada a erro da técnica ou baixa frequência das mamadas. Afinal, a estimulação da sucção do bebê no mamilo é responsável por produzir a prolactina, logo, quanto mais você oferecer o peito ao seu filho, mais leite produzirá

2. Dr. estou achando que meu leite é fraco?
Outro mito. O aspecto translúcido do leite no início da mamada pode ser interpretado como ausência de substâncias nutritivas se comparado com o aspecto do leite de vaca. Mas isso não é verdade. O aleitamento materno exclusivo garante o desenvolvimento adequado para o bebê.

3. Dr. devo dar um ou os dois peitos?
O ideal é oferecer um peito ao nenê e esperar que ele mame todo leite armazenado, em seguida oferecer o outro peito. O leite do final da mamada é mais consistente e possui nutrientes que o leite inicial não oferece.

4. Os remédios que eu tomo vão passar para o bebê no leite?
Nem todos. A OMS possui uma classificação de medicações permitidas e contraindicadas durante o período de amamentação

Se ainda tiver dúvidas converse com seu médico ou mande um email para drbruno@consultoriojacob.com que ela pode aparecer aqui no blog ser mãe!
.
Por Dr. Bruno Jacob

Instagram: @drbrunojacob
www.facebook.com/drbrunojacob

PLACA


Comentários
1
Compartilhe este post
Pin It

07 dicas para viajar com bebê nas Férias

2017: Sete dicas para quem vai viajar com bebê nessas férias

VIAJAR COM BEBÊ

07 dicas para viajar com bebê nas Férias

Olá mamães fim de ano chegando, vai viajar com bebê, trago algumas dicas para você saber como se organizar com a viagem

Pois afinal de contas fim de ano é a época perfeita para viajar em família, porém viajar com bebê exige algumas preparações para garantir assim uma viagem sem surpresas.

Do desconforto dentro do avião a contatos de emergência e caixinha de remédios, Dr. Jofre Cabral, pediatra e neonatologista da Perinatal, dá algumas dicas e soluções para os problemas mais comuns que podem acometer quem está planejando colocar o pé na estrada pela primeira vez com o bebê. Confira!

Pediatra da Perinatal ajuda na preparação da bagagem dos pequenos aventureiros

1) No avião

Nos procedimentos de decolagem e pouso é comum que a criança sinta a pressão no ouvido e isso lhe cause desconforto. “O movimento de sucção ao mamar, geralmente, é o suficiente para aliviar esse problema. Caso a criança continue reclamando, fazer calor no ouvido, com a própria mão ou uma cobertinha, para diminuir essa pressão,”.

2) Farmácia

Dr. Jofre sugere uma consulta antes da viagem para ver se o bebê precisa de algum medicamento específico. “Para os casos mais comuns, é recomendado um antitérmico e um termômetro para febre, mordedores para os dentinhos, soro fisiológico, creme para assaduras, filtro solar, pinças pequenas para o caso de farpas ou ferrões de insetos, pomadas cicatrizantes, gaze, tesourinha, esparadrapo para feridas e remédio para gases. Antibióticos são desnecessários e todos os medicamentos prescritos precisam ser transportados juntos com suas receitas”.

3) Sol e estrada

“Para crianças acima de seis meses de idade é sempre importante aplicar o filtro protetor solar e respeitar os horários de exposição segura ao sol – antes das 10h e depois das 16h. Caso ele seja um pouquinho mais novo, não pode usar protetor e, por isso, o cuidado é ainda maior. Leve um chapéu, fique na sombra e não permita que o bebê fique exposto por mais que 15 minutos. Em viagens de carro, é bom cobrir as janelas para evitar que o sol atinja o bebê. Para viagens a locais frios e nevados, roupa adequada e manteiga de cacau, para proteger os lábios”.

4) Emergências

Para evitar sustos, o médico sugere levar o telefone do pediatra e dos contatos de emergência, não esquecer a carteirinha do plano e ter conhecimento dos hospitais mais próximos da região em que ficará hospedado. “Também sugiro que as mães saibam fazer soro caseiro para o caso de desarranjos intestinais”. A receita recomendada pelo UNICEF é: uma medida rasa de sal da colher padrão para duas medidas rasas de açúcar em um copo com água. A colher padrão é distribuída gratuitamente nos postos de saúde e farmácias populares.

5) No hotel

Dr. Jofre sugere também que a mãe fique atenta às cozinhas dos hotéis, para verificar a possibilidade do preparo rápido de refeições específicas para a criança ou ainda se permitem que a mãe possa preparar a comida do bebê. Em relação à amamentação, a orientação é não carregar o leite. “O melhor meio de transporte do leite é dentro do seio. Mas, caso ela deseje levar, lembro que o leite deve ser conservado na geladeira por 24 horas. Se congelado, dura até 15 dias”.

6) Na estrada

Em viagens de carro, a segurança fica em primeiro lugar. “A cadeirinha com o cinto de segurança adequado é fundamental para o transporte do bebê e a mãe deve retirá-lo dela com o carro totalmente desligado. Os pais devem também garantir que haja cintos disponíveis para todos da família e programar paradas a cada três horas para olhar o bebê ou a cada vez que ele reclamar”.

7) Turistando

Na cidade, o pediatra dá algumas dicas para o dia. “Bebês mais novos podem ficar tranquilamente no canguru ou no sling, desde que estejam confortáveis. Já crianças mais velhas, terão mais liberdade se caminharem. Recomendo também aos pais que levem um edredom pequeno ou uma toalha mais grossa para o caso de querer colocar a criança na grama ou na areia. Dessa forma, podemos evitar surpresas como mordidas e/ou picadas de animais e insetos.”.

Fora isso, uma ótima viagem em família!

Fonte : Assessoria de Imprensa


Comentários
0
Compartilhe este post
Pin It