5 dicas para uma alimentação infantil saudável

5 dicas para uma alimentação infantil saudável

 As mamães “piram” para conseguir manter a alimentação das crianças saudável e com nutrientes suficientes em quantidade e qualidade para contribuir com uma boa saúde e crescimento. É durante a infância que temos mais chances de experimentar as coisas novas e isso ajuda a tornar saudáveis alguns hábitos diários. Na alimentação não é diferente, pois quanto mais cedo começarmos a oferecer aos pequenos uma variedade de alimentos saudáveis, mais cedo teremos um resultado bem mais expressivo. Nessa hora, o bom exemplo conta muito e compartilhar bons hábitos alimentares entre toda a família ajudará a criança a se tornar um adulto com um paladar rico e variado.

ALIMENTACAO-INFANTIL

Alimentação Infantil Saudável

Dicas para uma alimentação infantil saudável

1 – Mantenha uma alimentação variada, utilize nas refeições itens de todos os grupos alimentares. Você pode deixar a refeição bem colorida, pois dessa forma atrairá a atenção da criança;

2 – É de muita importância para as crianças o consumo das principais vitaminas e minerais. Aqui em casa eu adiciono no leite um pó para preparo de bebida como complemento, o Sustain Junior da Danone sabor chocolate, pois ele tem as principais vitaminas e minerais e o menor teor de açúcares quando comparado com os similares* e representa uma escolha interessante para crianças a partir dos 3 anos. Não substitui as refeições, mas é uma ótima opção que pode ser servido na hora do lanche;

3 – Outra dica que têm funcionado bem por aqui é apresentar os alimentos separados no prato de forma criativa, formando imagens  e personagens que as crianças gostam;

4 – Crianças preferem outros líquidos ao consumo de água, por isso é algo que deve ser muito incentivado. Aqui em casa as meninas têm garrafinhas que deixo sempre cheias de água e por perto;

5 – O incentivo ao consumo de todos os tipos de frutas e legumes é essencial. Não devemos esquecer de oferecer frutas com cascas, que contém uma quantidade enorme de nutrientes, frutas em forma de sucos ou vitaminas.

Nas saladas, podemos incluir legumes crus como a beterraba, cenoura, alface e pepino.

Como vai a alimentação do seu filho?

 

*  Comparado à média de produtos de mesma categoria de mercado. Março/2016.

** Publipost

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Oi Nanda, aqui em casa graças a Deus sempre teve boa alimentação. Fazemos questão das refeições principais à mesa, e fugimos às regras no fim de semana a noite pra dar uma aliviada. Mas com muita dedicação, conversa, incentivo e exemplo, Maria como de quase tudo.. Ela fala que só não gosta de azeitona, tomate e jiló rs

    Mas como folhas verdes, variados legumes e frutas.

    Temos sempre que ficar de olho pq ela é uma formiguinha sem tamanho. Se deixar é sobremesa todo dia, mas como se alimenta bem, abrimos exceções (o que é justo) nos fins de semana e em outros casos, sem excessos pra não haver acúmulo de gordura ou açucar no organismo… E assim vamos levando…

    Com amor, paciencia, principalmente exemplo, chegamos lá.

    Beijos!

    Tê e Maria ♥